Search

5 motivos pelos quais os jogos engajam alunos no processo de aprendizado de Inglês

Updated: Jan 29

Sendo o Brasil o 4º maior consumidor de games do mundo, é fácil afirmar que os jogos já fazem parte da cultura dos mais jovens. Até mesmo outras mídias como TV, música e cinema não acompanham o impacto do mercado de games. A abordagem de aprendizado baseado em jogos, também conhecida como Game-Based Learning, consiste em abraçar o futuro e se conectar com as novas gerações de estudantes. Aqui nós reunimos 5 pontos que mostram como jogos são uma poderosa ferramenta de ensino.


1) Conectado com as novas gerações

As gerações Z e Alpha não conhecem um mundo sem tecnologia. Os alunos dessas gerações estão atualmente na escola e nasceram em um ambiente rodeado de tecnologia, abundância de informação e múltiplas telas disputando sua atenção.


Embora os estudantes dessas gerações sejam especialistas em tecnologia, eles ficam entediados rapidamente por receberem estímulos e informações em uma quantidade

maior do que qualquer outra geração. Manter a atenção dos alunos é geralmente um grande desafio.


É necessário conectar a sala de aula com a cultura digital das novas gerações. Crianças e adolescentes são estimulados pelos desafios e são naturalmente atraídos pelos novos recursos tecnológicos, dentre eles os jogos digitais. Os jogos digitais, ou videogames, propõem uma nova dinâmica para o processo de aprendizado ao promover ludicidade, interatividade e imersão. Aprender com jogos digitais deixa tudo mais desafiador e divertido!



2) Aprendizado Ativo

O modelo de ensino tradicional ainda considera o aluno como agente passivo no processo de ensino-aprendizagem e o professor o detentor do conhecimento, em uma relação de transferência engessada e unilateral dos saberes. A necessidade de adaptações é urgente e não podem privilegiar somente o que já é estabelecido. É preciso respeitar o tradicional, enxergar as novas demandas e apontar para soluções que construam o futuro das salas de aula. Os games se apresentam como uma das alternativas para promoção de metodologias ativas no contexto escolar por valorizar a autonomia do aluno.



3) Formato do conteúdo

O estudo e prática de um conteúdo pedagógico dentro de um formato leve como jogos digitais permite conectar a sala de aula com a cultura e a nova forma de consumo de conteúdo das novas gerações. Os conteúdos passam ser consumidos em pílulas, ou seja, em pequenos volumes de conteúdo porém com maior frequência. Os jogos digitais também são consumidos dentro dessa ótica em que os estudantes consomem conteúdo dentro de muitas interações curtas. Essa forma de consumir o conteúdo atua na redução de atrito, desistência e evasão dos alunos.


4) O impacto nos alunos

Nos jogos digitais, o aluno é convidado a superar uma série de desafios e problemas com a melhoria do seu conhecimento e habilidades. Os alunos tornam-se suscetíveis ao erro e desenvolvem uma postura mais positiva às falhas. Os jogos digitais abraçam a falha como uma etapa natural do processo de aprendizado. Além disso, os jogos promovem engajamento dos alunos estimulando uma maior frequência e tempo de estudo.


5) Os games são para todos

Segundo dados recentes da Pesquisa Game Brasil, a maior parte (66%) da população brasileira consome jogo digitais, independente da plataforma. Diferente do estereótipo do consumidor de jogos geralmente interpretado como adolescentes do sexo masculino, os jogos são consumidos por todos os brasileiros - sem distinção. As mulheres, inclusive, representam a maioria dos jogadores (53%) brasileiros. Em termos de idade, apesar da maioria dos jogadores estarem entre 25 e 34 anos de idade (37,7%), os jogadores entre 35 e 54 anos representam 34,7% do total. Esse dados tornam claro que os jogos são para todos!



Aliado a todos esses fatores, as tendências de mercado apontam para uma maior aplicação dos jogos no contexto escolar. Um das tendências é com relação ao crescimento no consumo de jogos digitais que seguem sendo uma das principais mídias da atualidade. Com o distanciamento social, o consumo de jogos aumentou expressivamente em comparação com os anos anteriores. Outra tendência é com relação ao próprio uso de jogos na educação. jogos digitais, a aprendizagem baseada em jogos e os dispositivos móveis como tendências. De uma coisa não temos dúvida: os jogos digitais vieram para ficar e transformar a educação.



A plataforma Geppetto é um mundo virtual online recheado de jogos digitais e atividades lúdicas para crianças e adolescentes aprenderem inglês no seu ritmo, com tecnologia adaptativa e inteligência artificial.


Você ficou curioso para conhecer mais sobre a plataforma Geppetto e também acompanhar continuamente o aprendizado dos seus alunos de maneira fácil e intuitiva?! É simples, rápido e fácil testar gratuitamente na sua escola!


Não perca nenhuma novidade!

Assine nossa newsletter para ficar por dentro dos lançamentos do Geppetto.

Inscrição realizada com sucesso!